domingo, 16 de setembro de 2018

Catrela

Há um par de semanas fomos desenhar uns clássicos que andavam (parados) pela Igrejinha. Esta ficou assim para o comprido, ideia para uma futura limusina.

64º Encontro ÉSk | (a)Riscar o Património com os Bonecos de Santo Aleixo, Évora

Este encontro está integrado no evento (a) Riscar o Património, uma iniciativa da Direcção Geral do Património Cultural em parceria com os Urban Sketchers Portugal, comemorando as Jornadas Europeias do Património. Com o tema genérico «Partilhar Memórias», em Évora optámos por organizar o encontro em torno dos Bonecos de Santo Aleixo.

PROGRAMA:
10:00 - Ponto de encontro: em frente do Teatro Garcia de Resende;
10:10 - Briefing; visita aos locais para desenhar e desenhar (parte I)
13:00 - Almoço livre;
14:30 - Desenhar (parte II);
15:30 - Partilha de desenhos e foto de grupo;
18:00 - Final do Encontro.

Evento no facebook: https://www.facebook.com/events/1906161136355886

IMPORTANTE:
A participação é livre mas é necessário fazer uma inscrição prévia para: evora.sketchers@gmail.com

domingo, 2 de setembro de 2018

Igrejinha, festa e 4Ls

Depois de serpentear pela Igrejinha à procura to famoso encontro de Renaults 4L que tínhamos para desenhar, lá encontrámos um mòlhinho delas perto da igreja — as poucas que tinham chegado ao fim do passeio sem avariar (não  sei se isto era para dizer aqui). Tivemos direito a bolo de aniversário, e no fim ainda fomos à festa da aldeia!



 


[a história completa aqui]


sábado, 1 de setembro de 2018

63º Encontro ÉSk | Vamos desenhar 4L, Igrejinha...o rescaldo

Ora bem, só por aterras alentejanas é que cabia na ideia ir desenhar carrinhas 4L num dia de calor. E assim foi, lá fomos ao encontro de outros como nós, mas a tara destes é andar de carrinha 4L pelo Alentejo a divulgar, não só o prazer de conduzir estes bólides, mas também o que de bom há por aqui.
Entrámos na Igrejinha, trânsito cortado, desvio por aqui, desvio por ali... havia festa e lá fomos encontrando as 4L... sempre à porta das casas de pasto, ao jeito de montadas de outras épocas. Por fim lá demos com a Igreja, a agitação era grande, a festa estava prestes a começar.
E pronto, começou o evento, nós os ÉSks meia dúzia e, eles, os amigos das 4L uma data deles, nem os contei, mas eram muitos... talvez uns vinte. O desafio foi simples, pôr aquela gente toda a desenhar as carrinhas, as próprias ou as que mais gostassem. Explicámos os fundamentos dos nossos desenhos e, depois, ala que se faz tarde, tudo espalhado a desenhar as carrinhas.
No meio disto tudo, e porque há sempre gente que se esquece dos cadernos, até houve um cromo que se lembrou de fazer cadernos de fole para aquela gente toda... carimbo da 4L e tudo, talvez o calor lhe tenha afectado o discernimento.
Toda a gente desenhou, uns preocupados com o aspecto final dos desenhos, outros nem tanto, houve ainda alguns que já começaram as avançar o design para as 4L que hão de vir... Enfim, imaginação não faltou por ali. E, no final, para compor o ramalhete, os desenhos foram expostos no balcão do café. Assim, quem ia pedir uma mine, podia sempre apreciar a arte enquanto esperava... Não sei se aumentámos a afluência de clientes, mas ficou bonito :) 
Depois, houve o cantar dos parabéns, porque estas meninas já fizeram 57 anos de existência, mais lindo não podia ser, houve bolo e licores.